Topo

Quais os exames que os caminhoneiros realizam?

Quais os exames que os caminhoneiros realizam?

Muitos acreditam que para se tornar um caminhoneiro basta subir na boleia, ligar o caminhão e seguir viagem. Porém, a realidade é bem diferente! A profissão exige a realização periódica de exames e testes para garantir a segurança do motorista e da carga.

Então, vamos descobrir quais são? Vão desde o mais básico até o nível mais avançado para aquele estradeiro que deseja se diferenciar do mercado!

Exame de direção

O primeiro todo mundo sabe! O exame de direção para a carteira é o primeiro passo para quem deseja atuar como transportador de cargas. Porém, não é tão fácil assim… Para você estar habilitado para transportar cargas, você terá que mudar a categoria de sua carteira.

Para que isso aconteça, você terá que ter inicialmente a categoria B, que permite dirigir carros comuns. Depois de um ano habilitado nessa categoria, você pode começar a tentar a categoria C que permite dirigir veículos de carga não articulados.

Se deseja subir de categoria e pilotar brutos maiores, você deverá alterar novamente de categoria. Para saber mais, confira nosso post sobre o tema.

Exame para transporte de cargas

Alguns tipos de cargas exigem cursos e especializações especiais, como transporte de materiais inflamáveis, pessoas, etc., e o treinamento é exigido por lei. Confira abaixo os principais:

Curso de Movimentação Operacional de Produtos Perigosos: essa certificação é exigida para quem irá transportar combustíveis, materiais perigosos, elementos químicos, entre outros.  Nele, o motorista irá aprender o que impacta no transporte, como atuar caso haja um acidente e os cuidados para preveni-lo.

– Transporte de cargas indivisíveis: você já viu pessoas transportando máquinas, peças de avião pelas estradas? Elas possuem esse curso no currículo e saberão a forma certa de transportar equipamentos grandes sem causar danos.

– Transporte de pessoas: essa é a carga mais preciosa, não é mesmo? Por isso, além de ter a habilitação na categoria D, o motorista tem que passar por um treinamento para saber lidar com as pessoas e como fazer o transporte em segurança.

 Exame toxicológico

Em 2016, houve uma lei que implantou a obrigatoriedade do exame periódico toxicológico em motoristas de transporte de cargas, como uma forma de resguardar e evitar o risco de acidentes nas estradas.

Ele deverá ser feito na metade da validade da habilitação, ou seja, a cada dois anos e meio se a validade da CNH for de cinco anos.

Ser um caminhoneiro e ter a vida na estrada não é nada fácil, como podemos ver! Mas todos esses exames e certificações garantem a segurança do motorista e de quem transita na via. Por isso, se gostou do post, compartilhe em suas redes sociais e avise os amigos!

Iveco Brasil