Top

Iveco lança escola Formare em Sete Lagoas

Iveco lança escola Formare em Sete Lagoas

A Iveco lançou hoje (25) a Escola Formare, programa que trabalha a inserção social por meio da educação. O evento que oficializou o início das atividades aconteceu na fábrica da montadora, em Sete Lagoas, local onde as aulas serão realizadas, e contou com a presença dos 20 jovens selecionados para a escola e dos educadores voluntários, funcionários da Iveco. Também estiveram presentes José Jerez, diretor industrial da planta, Cláudio Rawicz, diretor de comunicação, representantes da Secretaria Municipal de Educação e da Superintendência Estadual de Ensino e das Escolas Estaduais Edite Furst, Deputado Renato Azeredo e Bernardo Valadares de Vasconcelos, Cris Meinberg, diretora da Fundação Iochpe .

A Formare tem como objetivo incentivar o desenvolvimento de jovens e proporcionar a oportunidade de formação inicial para o mercado de trabalho, com duração de aproximadamente um ano. As aulas começam no dia 1° de outubro, e o foco é desenvolver habilidades como: comunicação, trabalho em equipe, solução de problemas, processo produtivo e cidadania. “Queremos contribuir para a transformação e o desenvolvimento dos jovens de Sete Lagoas, por isso abrimos as portas da fábrica Iveco para receber os alunos e compartilhar conhecimentos, experiências e valores”, afirmou o diretor Jerez.

A Escola Formare é uma parceria entre a Iveco e a Fundação Iochpe, que existe desde 1988 e desenvolve programas nas áreas de educação, cultura e bem-estar social, realizando parcerias com entidades públicas e privadas. O projeto faz parte das ações do Próximo Passo, programa de sustentabilidade da montadora. Para a Iveco, é mais uma oportunidade de incentivar o crescimento profissional e a capacitação de jovens que não possuem acesso a atividades complementares. “Esse é mais um passo que a Iveco dá visando o desenvolvimento sustentável da comunidade setelagoana, público de grande importância para a montadora. E o envolvimento dos nossos funcionários como educadores voluntários reforça nosso objetivo de integração entre empresa e sociedade”, conta Cláudio Rawicz.

Rede Comunicação