Top

Especial Dia das Mães: as histórias de mães que vivem nas estradas

Especial Dia das Mães: as histórias de mães que vivem nas estradas

Ser mãe é nutrir um sentimento indescritível pelos filhos, que supera qualquer barreira e distância. É esse sentimento que acompanha muitas mães caminhoneiras, que trabalham dirigindo caminhões pelas estradas do Brasil.

A saudade dos filhos e da família aumenta a cada quilômetro percorrido e só alivia quando estas bravas guerreiras chegam em casa. Essa é a rotina de Socorro Azulay, que trabalha como caminhoneira há cinco anos. “Não há nada mais gratificante do que a companhia das minhas filhas. Não vejo a hora de poder encontrar com elas e saber como estão” conta.

A preocupação com os filhos fazia parte dos pensamentos de Dacirley Bertolim, que trabalhou durante 55 anos dirigindo caminhões pelo Brasil. “Na época que trabalhei como caminhoneira, meus filhos eram pequenos e não existia tanta comunicação como hoje. Às vezes ficava dias e dias sem notícias deles, confiava em Deus, para que estivesse tudo bem,” conta emocionada.

Hoje Socorro não se imagina trabalhando em outra profissão. “Mesmo longe da família e dos filhos, o trabalho é gratificante. Em cada estado que chego conheço um pouco mais da cultura e isso me motiva a continuar na estrada.” Já para Dacirley, saudade define o que ela sente das estradas. “Sinto muita falta do tempo em que entrava no caminhão e viajava pelo país. Era um sentimento de liberdade.”

O reconhecimento do trabalho e dos desafios enfrentados por elas é motivo de orgulho para os filhos, que valorizam a força, o entusiasmo e a dedicação de suas mães.  E como forma de homenagear essas histórias de vida e as vitórias de todas as mulheres caminhoneiras, a Iveco preparou um vídeo especial em comemoração ao Dia das Mães.

Conheça a história de coragem e pioneirismo de três mulheres que não medem esforços para levar o Brasil com amor de mãe.

Iveco Brasil