Topo

Escola Formare Iveco é exemplo para o dia internacional do voluntário

Escola Formare Iveco é exemplo para o dia internacional do voluntário

No dia 5 de dezembro, a Iveco celebrou o dia internacional do voluntariado, com seus educadores voluntários da Escola Formare, que se dedicam para transformar o futuro de jovens de Sete Lagoas. O projeto tem o objetivo de incentivar o desenvolvimento dos participantes e proporcionar a oportunidade de formação inicial para o mercado de trabalho.

Os educadores voluntários da Escola Formare Iveco emprestam suas aptidões e tempo para ministrar aulas de higiene e saúde, segurança, comunicação e relacionamento, organização industrial, fundamentação numérica,informática e atividades de integração para vinte jovens, estudantes do ensino médio, que participam do projeto.

O colaborador Cristiano Guimarães Cesário, que trabalha na engenharia e está há 6 anos na Iveco, é um dos educadores voluntários da Escola Formare e também é professor de uma escola técnica, mas se diz muito mais satisfeito ministrando aulas voluntariamente. “Ver nosso trabalho render frutos dentro da empresa e ajudando a quem precisa é muito gratificante. Os alunos são dedicados, curiosos e ficam ansiosos para aprender mais. Também sou professor de escola técnica e não tenho o mesmo retorno dos estudantes”, explica Cristiano.

Turma de professores e alunos da Escola Formare Iveco

Por que ser um voluntário?

Ao nos preocuparmos com os outros, ao nos mobilizarmos por causas de interesse social e comunitário, estabelecemos laços de solidariedade e confiança mútua que nos protegem em tempos de crise, que tornam a sociedade mais unida e fazem de cada um de nós um ser humano melhor.

O voluntariado merece ser valorizado, apoiado, divulgado e fortalecido pelos benefícios que traz para o próprio voluntário, para as pessoas com quem o voluntário se relaciona, para a comunidade e a sociedade como um todo.

Rede Comunicação