Top

Documentos do veículo e motorista ganham itens de segurança em 2015

Renovação de CNH de motoristas de caminhão fica mais rigorosa

Documentos do veículo e motorista ganham itens de segurança em 2015

As carteiras de habilitação (CNH) e os certificados de Registro de Veículo e de Licenciamento de Veículo (CRV e CRLV) vão passar a ter dados criptografados a partir de 1º de julho do ano que vem, anunciou na última quarta-feira (10) o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). O objetivo das mudanças é combater a fraude em documentos, diz o órgão. Em cinco anos, todos os documentos devem ter sido trocados.

Os dispositivos de segurança funcionam como um código de barras e poderão ser lidos por aplicativos instalados nos celulares dos agentes. Os novos documentos também têm mais elementos em relevo e em microimpressão, como os guilhoches – tarjas com padrões geográficos minúsculos, que perdem definição em reproduções caseiras.

Novo certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, que começa a vigorar em 2015 (Foto: José Cruz/Agência Brasil).

Novo certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, que começa a vigorar em 2015 (Foto: José Cruz/Agência Brasil).

As novas carteiras de habilitação terão 28 dispositivos de segurança. Os certificados, ganharão 17. De acordo com o Denatran, as fraudes mais comuns são para clonagem de veículos, evasão fiscal, fraudes contra seguradoras e companhias telefônicas. A leitura do código será feito por meio de aplicativos nos celulares dos agentes de trânsito, que estarão com smartphones habilitados para isso.

Novo modelo da carteira de habilitação, com elementos que reforçam a segurança do documento (Foto: José Cruz/Agência Brasil).

Novo modelo da carteira de habilitação, com elementos que reforçam a segurança do documento (Foto: José Cruz/Agência Brasil).

Sem custos
Não há necessidade de o motorista que já tem a permissão para dirigir trocar o documento neste primeiro momento. As mudanças serão aplicadas progressivamente. A expectativa do Denatran é que os documentos em todo o país estejam dentro do novo modelo em cinco anos – período de renovação máximo estipulado para quem tira a carteira de habilitação.

A medida valerá de imediato para motoristas novatos e para aqueles que estão perto do prazo de vencimento das carteiras. No entanto, os departamentos de trânsito de todo o país terão um prazo de seis meses para se adaptar ao novo sistema. O Denatran afirmou que não haverá reajuste no valor cobrado para a emissão dos documentos.

Veja aqui a lista completa dos itens de segurança impressos na CNH e no documento do carro.

Fonte: Auto Esporte

Iveco Brasil