Topo

Cultive o verde em casa

Cultive o verde em casa

Se o seu apartamento tem uma varanda ensolarada ou a sua casa possui um quintal, não
há mais desculpa: você pode montar uma horta com hortaliças, temperos e ervas que poderão ser usados nas suas receitas do dia a dia. Isso pode representar, inclusive, economia nos seus gastos com alimentos. Mesmo com pouco espaço, é possível cultivar uma horta. Veja como:
No apartamento
– Coloque argila expandida até 1/3 do vaso ou da jardineira, fazendo furos no fundo.
– Acrescente duas partes de terra comum, uma de adubo natural e outra parte de terra vegetal.
– Molhe as plantas da horta usando um regador, de preferência ao amanhecer ou entardecer, quando a temperatura está mais amena. Dessa forma, a água não evapora tão rapidamente.
No quintal de casa
– Com uma pequena enxada, revire bem o solo, deixando a terra solta e fofa.
– Misture o adubo e alise a terra.
– Marque os espaçamentos e plante. Os pés de alface, por exemplo, devem ficar a dois palmos de distância um do outro.
A partir de sementes
– Separe potes vazios, de margarina ou de sorvete, por exemplo, e lave-os bem.
– Faça vários furos no fundo das vasilhas e coloque uma mistura de terra e adubo, deixando dois dedos da borda livres.
– Coloque as sementes e cubra-as com terra.
– Regue-as diariamente, cedinho ou à tardinha.
Para maiores rendimentos em sua horta, use fertilizantes industriais idôneos, de acordo com as recomendações dos rótulos.
Que tal reciclar o lixo orgânico e fazer um adubo natural?
1. Monte uma composteira, que deve ficar num lugar arejado e ensolarado.
2. Use um recipiente plástico com furos e tampa, ou um cercadinho de madeira, forrado com plástico preto e com furos.
3. Coloque resíduos secos, como folhas secas, restos de podas de jardim, cascas de árvore, sobras de comida e, por cima, uma camada fina de terra.
4. Feche com um filme plástico ou com a tampa do recipiente.
5. Nos primeiros quinze dias após o plantio, revire a matéria orgânica duas vezes por semana para arejar. Depois, até o quarto mês, de 2 em 2 semanas. Demora de 4 a 6 meses para o adubo ficar pronto.
6. Equilibre a umidade — o conteúdo da composteira não pode ficar nem muito seco,
nem muito úmido. Se a camada superior estiver seca, regue-a. Se estiver muito molhada, coloque terra, folhas secas ou serragem.
Fonte: Cartilha Pense Bem – Meio Ambiente produzida pela IPAS – Iniciativa Pró-Alimento Sustentável.

horta

Se o seu apartamento tem uma varanda ensolarada ou a sua casa possui um quintal, não há mais desculpa: você pode montar uma horta com hortaliças, temperos e ervas que poderão ser usados nas suas receitas do dia a dia. Isso pode representar, inclusive, economia nos seus gastos com alimentos. Mesmo com pouco espaço, é possível cultivar uma horta. Veja como:

No apartamento
– Coloque argila expandida até 1/3 do vaso ou da jardineira, fazendo furos no fundo.
– Acrescente duas partes de terra comum, uma de adubo natural e outra parte de terra vegetal.
– Molhe as plantas da horta usando um regador, de preferência ao amanhecer ou entardecer, quando a temperatura está mais amena. Dessa forma, a água não evapora tão rapidamente.

No quintal de casa
– Com uma pequena enxada, revire bem o solo, deixando a terra solta e fofa.
– Misture o adubo e alise a terra.
– Marque os espaçamentos e plante. Os pés de alface, por exemplo, devem ficar a dois palmos de distância um do outro.

A partir de sementes
– Separe potes vazios, de margarina ou de sorvete, por exemplo, e lave-os bem.
– Faça vários furos no fundo das vasilhas e coloque uma mistura de terra e adubo, deixando dois dedos da borda livres.
– Coloque as sementes e cubra-as com terra.
– Regue-as diariamente, cedinho ou à tardinha.

Para maiores rendimentos em sua horta, use fertilizantes industriais idôneos, de acordo com as recomendações dos rótulos.

Que tal reciclar o lixo orgânico e fazer um adubo natural?
1. Monte uma composteira, que deve ficar num lugar arejado e ensolarado.
2. Use um recipiente plástico com furos e tampa, ou um cercadinho de madeira, forrado com plástico preto e com furos.
3. Coloque resíduos secos, como folhas secas, restos de podas de jardim, cascas de árvore, sobras de comida e, por cima, uma camada fina de terra.
4. Feche com um filme plástico ou com a tampa do recipiente.
5. Nos primeiros quinze dias após o plantio, revire a matéria orgânica duas vezes por semana para arejar. Depois, até o quarto mês, de 2 em 2 semanas. Demora de 4 a 6 meses para o adubo ficar pronto.
6. Equilibre a umidade — o conteúdo da composteira não pode ficar nem muito seco, nem muito úmido. Se a camada superior estiver seca, regue-a. Se estiver muito molhada, coloque terra, folhas secas ou serragem.

Fonte: Cartilha Pense Bem – Meio Ambiente produzida pela IPAS – Iniciativa Pró-Alimento Sustentável.

Rede Comunicação