Topo

Viaje em segurança: saiba como amarrar as suas cargas

Viaje em segurança: saiba como amarrar as suas cargas

Quando se está na estrada, a segurança não é relacionada apenas a normas de velocidade e ultrapassagem. Amarrar a carga com cuidado, usando o material correto e seguir todas as orientações técnicas do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) são atitudes fundamentais para que a sua viagem seja mais tranquila.

 

Além disso, é preciso lembrar que, recentemente, a amarração de cargas recebeu novas orientações. A Resolução 552/2015, criada pelo Contran, entrou em vigor para todos os veículos fabricados a partir do dia 1º de janeiro de 2017. Em contrapartida, os carros que já estão em circulação terão um prazo diferente: eles deverão ser adaptados às novas mudanças até o dia 1º de janeiro de 2018.

 

Saiba o que fazer para cuidar da amarração e distribuição da sua carga:

 

Distribua a mercadoria e verifique o peso

 

A carga deve estar bem distribuída no caminhão para não sobrecarregar nenhum lado do seu bruto. A distribuição correta dos produtos é bastante útil para a conservação do veículo, além de garantir mais segurança para a sua viagem.

 

Comece pela traseira

 

A carga deve ser colocada primeiro pelo eixo traseiro para que a distribuição sobre os dois eixos seja equilibrada. Caso não esteja de acordo com as dimensões do Contran, é recomendado transportar a carga deitada.

 

Verifique a resistência da embalagem

 

Geralmente, a carga com embalagem pouco resistente é leve. Por isso, as mercadorias com embalagens mais frágeis podem ser fixadas nas camadas superiores, sem criar problemas de distribuição de peso. Se isso não for possível, a carga deve ser organizada em diferentes seções de carga.

 

Faça o travamento adequado

 

Ao usar uma combinação de vários tamanhos de embalagens retangulares, é possível obter um sistema de travamento satisfatório de forma automática. O procedimento é útil contra o painel de proteção da cabine, painel traseiro e os laterais.

 

Essas dicas foram úteis para você? Tem alguma outra para compartilhar com a gente? Deixe o seu comentário!

Iveco Brasil